• Julika

Make do dia batom E sombra vinho



Tão gostando do novo visu do blog? ainda tem muita coisa pra ajeitar, mas vamos fazendo aos poucos! se tiverem sugestões não deixem de comentar!

Eu sou meio birrenta em comprar batom nacional caro. Pode ser preconceito, mas sempre acho que se é pra pagar perto de R$50 por um batom eu junto um pouquinho mais e compro um da MAC, que tem cores e texturas mais variadas e atuais. Mas vira e mexe alguma cliente minha trás um batom da contém 1g pra usar e tenho me encantado com as cores e texturas da coleção mattte, algumas muito únicas mesmo!

Fui na loja dar uma espiadinha e me apaixonei por um tom de vinho bem clássico e lindo demais, o Savana Mate. Custou R$38, o que eu acho meio caro pra um batom de marca nacional, mas no final achei que valeu muito a pena.



A textura é opaca mas ele não é totalmente seco – tanto que usei em um dia em que os meus lábios ainda estavam um pouco ressecados, e acho que não marcou quase nada. A duração é boa, mas nada milagroso: durou firme e forte até eu comer e beber, normal.

Não tirei foto da embalagem, mas achei ela bem bonita e phyna! Tem link do produto aqui pra quem quiser ver (e só pra avisar que não rola patrocínio e nem o produto foi enviado pela marca ou nada viu, eu sempre aviso quando é o caso!)



Um batom marcante assim pode ser usado no dia a dia, mas não de qualquer jeito ou com qualquer make: tem que ser aplicado com cuidado e a pele tem que estar um pouco trabalhada. Acontece que batons escuros e com tons de vermelho chamam mais atenção pra imperfeições da pele, marquinhas e vermelhidões, então pode se jogar no batonzão, mas é bom não dispensar a base e aplicar com capricho! Nada mais feio do que um batom borrado ou tortinho né?



Já que eu caprichei nos lábios e na pele e estava com um tempinho, resolvi experimentar as minhas novas aquisições, as sombras em greme/gel Color Tattoo da Maybelline. Achei elas em uma farmácia daqui do RS(Panvel) e na Renner, e comprei tipo todas as cores que eu encontrei! Ainda não consegui usar todas, mas por enquanto to gostando bastante, apesar de não achar elas perfeitas e nem tudo aquilo que ouvi falar. Enfim, logo faço uma resenha detalhadinha pra contar minha opinião!



Usei a branquinha cintilante Too Cool no canto interno e a bronze Bad to Bronze no centro da pálpebra, e esfumei o côncavo com a Tough as Taupe, que é um marrom acinzentado matte. Não fiquei 100% satisfeita com o esfumado no côncavo com ela porque é bem sequinha mesmo, então usei um pouquinho da minha querida Kid da MAC por cima do côncavo pra não deixar marcado.



Contornei os cílios com lápis preto (usei o 24/7 Perversion da Urban Decay, que lápis que esfuma bem preto!), e deu uma esfumadinha com uma sombra marrom escura (usei a Backdoor da UD)

A pele eu fiz usando a minha base preferida do momento, a Healthy Myx da Bourjois, e o blush foi o Harmony da MAC, que é um tom entre o marrom de contorno, mas levemente rosado.



Foto do instagram

Eu gostei bastante do resultado e é uma make bem marcante para o dia a dia (que eu amoro!), e usaria tranquilamente pra algum evento mais arrumadinho também.

E vocês, se arriscam num batom mais escuro assim pra melhorar o astral em dias normais ou só pra ocasiões especiais?

4 visualizações